O que é um Trader? Quais as vantagens de ser um?

O que é um Trader? Quais as vantagens de ser um?

Você sabe o que é um Trader? Essa é uma atividade que vem ganhando cada vez mais destaque e notoriedade dentro do mercado de trabalho, especialmente para quem gosta do universo das finanças. A liberdade de poder gerenciar o próprio dinheiro e fazê-lo trabalhar para si é um dos principais atrativos.

Se esse é um tema que desperta a sua curiosidade, chegou ao lugar certo. Hoje, nós vamos falar sobre tudo que envolve essa atividade, começando por entender o que é um Trader e quais são seus principais formatos de atuação.

O que é um Trader?

Trader é o nome dado ao profissional que trabalha no Mercado Financeiro comprando e vendendo ativos na tentativa de lucrar com a sua variação de preço. Em outras palavras, estamos falando de alguém que vive do mercado, ganhando dinheiro com as oportunidades que se apresentam.

“Trader” é, como você já imagina, um termo em inglês derivado de outra palavra inglesa, trade, a qual significa “comércio” ou “negócio”. Sendo assim, um trader é alguém que faz negócios e, portanto, foi o nomenclatura adota a quem faz suas negociações dentro do Mercado Financeiro.

Por característica, um trader realiza suas transações essencialmente em curtos períodos de tempo. No entanto, alguém que investe pensando no longo prazo, como é a situação de pessoas interessadas em aproveitar o pagamento de dividendos de uma organização, podem ser classificadas em um formato específico de trader, como veremos na sequência.

Quais são os principais tipos de Trader?

Embora a definição de o que é um trader seja relativamente simples de entender, existem algumas variações da atividade. Isso porque, afinal, não há apenas um modo de trabalhar dentro do mercado financeiro. Cada perfil pode aproveitar as oportunidades de acordo com a forma que o deixe mais confortável.

A seguir, portanto, vamos compartilhar alguns dos principais tipos de Trader dentro da Bolsa de Valores. Ficará mais fácil também de entender como funciona o trabalho desse profissional, conforme vimos no tópico anterior.

Day Trader

O day trader (algo que pode ser traduzido como “negociador do dia”, em português) é aquele profissional do mercado financeiro que tenta fazer negociações de curto prazo, sempre inferiores a um dia. Isso quer dizer que seus Ativos comprados são vendidos no mesmo dia, sem virar o dia com eles.

Esse é um formato que exige grande gerenciamento de risco, já que tendem a ter menos ganhos pela menor exposição. Também é algo que evita notícias bombásticas, já que o day trader jamais dorme com uma posição aberta.

Scalper

O scalper é outro formato de Trader que trabalha no curtíssimo prazo, mas ainda mais restrito do que o day trader. Se o primeiro pode manter sua posição por horas, o scalper fecha sua operação em alguns minutos — por vezes, o processo pode ser encerrado até em segundos.

O seu objetivo é aproveitar variações mínimas de precificação dos ativos. Para isso, geralmente um scalper utiliza da Análise Técnica, isto é, a sua avaliação é feita por meio dos gráficos do ativo em questão.

Swing Trader

Mais um formato desse profissional é o swing trader. Ele também vai usar de variações curtas dentro do mercado financeiro, mas o tempo de exposição é um pouco maior em relação ao que você viu até aqui. O investimento pode ficar aberto até por mais de uma semana.

O seu foco também está em aproveitar as variações de preço e poder fechar a posição com lucro. No entanto, pelo maior tempo de exposição, o risco também é aumentado. Por essa característica, o swing trader pode mesclar análise de gráfico com a avaliação de indicadores também, chamada de Análise Fundamentalista.

Position Trader

Por fim, você tem ainda o position trader, que é o profissional que mantém sua posição por maiores períodos de tempo — por isso, inclusive, recebe esse nome. Por característica, o longo prazo das organizações importa mais do que a sua precificação de momento. Seu foco, afinal, está nos dividendos pagos e não necessariamente na oscilação do preço.

Quais as vantagens de ser um Trader?

O grande atrativo da vida de um trader é, sem dúvidas, a liberdade. Como esse profissional faz o dinheiro render, ele pode trabalhar para si e viver de maneira completamente diferente do formato de vida tradicional. Isso inclui, claro, poder trabalhar de onde quiser: esse profissional precisa apenas de um computador e uma boa conexão de internet para operar.

Além disso, é uma forma de aumentar o seu patrimônio de maneira pessoal, sem depender de empresas ou contratações. Isso inclui um dos mantras do capitalismo de fazer o dinheiro trabalhar para si.

Como é possível ser um Trader profissional?

Se você gostou de saber o que é um trader e gostou da ideia de trabalhar dessa forma, talvez esteja curioso em saber como se tornar um profissional do mercado financeiro.

E a notícia é boa: qualquer pessoa pode ser um trader, bastando ter dinheiro para investir e, como mencionamos anteriormente, acesso à internet e um computador. No entanto, não se iluda: ganhar dinheiro no mercado financeiro não é fácil. Trata-se, afinal, de um ambiente de renda variável.

Ou seja, da mesma forma que você pode ganhar dinheiro, é possível perdê-lo também. E é necessário estar preparado para as duas situações — tanto para não se empolgar quando as coisas dão certo, como para não tomar decisões precipitadas em uma fase ruim.

Além disso, claro, é mais do que recomendável estudar bastante e se inteirar de tudo que envolve o mercado financeiro. Não se esqueça de que esse é um mercado extremamente competitivo e, portanto, o conhecimento e o equilíbrio emocional são determinantes entre o sucesso e o fracasso.

Por fim, basta ter uma conta em uma corretora com dinheiro para investir antes de começar a ser um trader. Não esqueça de aprender todas as possibilidades e estratégias que se adaptam ao seu perfil e, claro, comece com pouco. No momento inicial, o aprendizado vale mais do que a quantidade de dinheiro que você vai utilizar nas suas primeiras operações.